TCE condena FBC a devolver R$ 5 milhões ao Estado por areia de Suape

TCE condena FBC a devolver R$ 5 milhões ao Estado por areia de Suape
Fernando Bezerra fez doações de areia a empresas que faziam o serviço de aterro na área do porto, sem cobrar pela areia, segundo o TCE. adicionada no dia 09/08/2018 12:10h

Na manhã de ontem (8), o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) foi condenado a pagar R$ 5,1 milhões aos cofres do governo estadual pelo suposto prejuízo que o Porto de Suape obteve quando ele era o presidente da instituição. Entre 2007 e 2008, Fernando Bezerra fez doações de areia a empresas que faziam o serviço de aterro na área do porto, sem cobrar pela areia, segundo o TCE.

O processo no TCE teve origem com um pedido de rescisão do Ministério Público de Contas de Pernambuco (MPCO), assinado pela procuradora geral Germana Laureano e pelo procurador Cristiano Pimentel. A relatora do processo no TCE foi a conselheira Alda Magalhães, auditoria concursada do TCE.

Apesar de alguma divergência sobre o recebimento ou não do pedido de rescisão, no mérito, os conselheiros condenaram Fernando Bezerra por unanimidade. Votaram pela condenação os conselheiros Alda Magalhães, relatora, Carlos Porto, Dirceu Rodolfo, João Campos, Ranilson Ramos e Luiz Arcoverde Filho. O julgamento foi presidido por Marcos Loreto, presidente do TCE.

(Com informações NE10). 

Topo